sábado, maio 30, 2009

La belle verte (Turista Espacial)

Com fina ironia e humor de qualidade, a história gira em torno de um planeta muito evoluído, em algum lugar do Universo, em que os habitantes vivem em plena harmonia.

De tempos em tempos, alguns partem para outros planetas. Entretanto, curiosamente ou não, há 200 anos ninguém mais quer ir ao Planeta Terra! Um dia, por motivos pessoais, uma jovem mulher de ?apenas? 150 anos decide se tornar voluntária para a viagem.  

Conversando com Deus

Esta adaptação do livro de Neale Donald Walsch, que inspirou e mudou a vida de milhões de pessoas ao redor do mundo, Conversando com Deus conta a história de quando, no pior momento de sua vida, Walsch (Henry Czerny), fez a Deus algumas perguntas bem difíceis. Dentro de cada um de nós há uma voz que fala a verdade. As respostas que ele recebeu de Deus se tornaram a base de um livro internacionalmente reconhecido, que já vendeu mais de 7 milhões de cópias em 34 idiomas. O filme narra a jornada de poucas e boas de Walsch que inadvertidamente se tornou um guia espiritual. Um filme que vai mudar a sua vida.

Descobrimos muitas coisas quando conversamos com o nosso eu interior.

Reencontro Interior

Quando reencontramos alguém, sem medida de tempo e espaço.

quarta-feira, maio 27, 2009

Vida Depois da Vida

A vida não termina com a morte do corpo físico. Somos eternos, somos muitos mais que carne e ossos... Somos pura essência de Deus...

sábado, maio 23, 2009

MINHAS VIDAS


MINHAS VIDAS
EUA, 87. Direção de Robert Butler. Roteiro de Shirley MacLaine e Colina Higgins, baseado no livro "Minhas Vidas". Com Shirley MacLaine, Charles Dance, David Manning, Anne Jackson e Jerry Orbach.
A autobiografia de Shirley MacLaine, em livro e na mencionada mini série, chega a ser bonito tributo ao reencarnacionismo e ao mediunismo. Shirley transmite uma forte mensagem espiritualista, embora - como quase toda obra norte-americana ou inglesa - sejam usados termos como metafísica, ocultismo e esoterismo, mesmo quando os fenômenos registrados nada diferenciam da tradição espírita.

quinta-feira, maio 21, 2009

A Ação e os Três Gunas



O sábio Patanjali, autor do Yoga Sutras, o livro didático básico de ioga, afirma que a qualidade das nossas ações depende dos gunas que predominam em nós. Os três gunas - sattva, rajas e tamas - são considerados como as qualidades fundamentais da natureza, ou prakriti. Para podermos compreender isso plenamente, temos de examinar a interpretação hindu da criação e da dissolução do universo. 

La Vida Secreta de las Plantas

La Vida De Las Plantas, David Attenborough Describe Vívidamente Los Más Intrigantes Aspectos Del Comportamiento De Las Plantas, Desde El Abrasador Desierto Del Sáhara Hasta La Congelada Superficie De La Antártida., Espectaculares Y Dramáticas Secuencias Filmadas Con Cámara Rápida Y Técnicas Informáticas, Desvelan Un Mundo Natural Lleno De Belleza, De Ferocidad Y De Actividad.










quarta-feira, maio 20, 2009

Buraco Negro da Via Láctea a Ciência e o Ocultismo- I

Sempre tive curiosidade em saber qual era a função destes tão intrigantes "buracos negros", mas nunca me detive em procurar respostas ou pesquisar sobre o assunto. Entretanto, após ler um livro que introduz à obra da Doutrina Secreta, parece que a resposta flui curiosamente. Como não sou nenhuma especialista no assunto, tenho inúmeras dúvidas, mas se estes tais de "buracos negros" não estiverem relacionados com os mavântara e pralaya ... Eu diria: - Que coincidência não é mesmo!?

Buraco Negro da Via Láctea a Ciência e o Ocultismo- I

terça-feira, maio 19, 2009

Índio poluía o ar há 3.500 anos no Peru


Máscara mochica de ouro, que preserva manchas de vermelhão; estudo diz que civilizações já poluíam com mercúrio, por mineração.

Além de terem desenvolvido a agricultura irrigada, a astronomia e a construção de pirâmides, as primeiras civilizações sul-americanas também inventaram algo menos glorioso: a poluição por metais pesados. Há 3.500 anos, no Peru, elas já contaminavam o ar com mercúrio, produto da mineração.

Um estudo realizado por pesquisadores do Canadá, dos EUA e da Alemanha descobriu evidências "incontroversas" de poluição atmosférica por mercúrio milênios antes da conquista espanhola. O metal está acumulado nos sedimentos de três lagos na região de Huancavelica, que abriga a maior jazida de mercúrio das Américas.

Extraindo colunas de sedimento do fundo desses lagos e datando-as, o grupo liderado por Colin Cooke, da Universidade de Alberta, descobriu que a contaminação começou em 1400 a.C. e atingiu valores máximos em 500 a.C. e 1450 d.C.

Estas últimas datas correspondem, respectivamente, ao apogeu da cultura Chavín --considerada o primeiro Estado sul-americano-- e da inca.

Essas civilizações exploravam a região de Huancavelica em busca de cinábrio (HgS), um mineral composto de mercúrio e enxofre.

O cinábrio é moído para a produção de vermelhão, corante que compõe as tinhas vermelhas vivas que culturas como a Chavín, a mochica e a inca usavam como pintura corporal ou para cobrir objetos de ouro.

O mercúrio é altamente tóxico, e exposição a seus compostos causa problemas sérios ao sistema nervoso, aos rins e ao sistema endócrino. Os maias usavam pedras de cinábrio em seus sarcófagos, entre outras coisas, para evitar que eles fossem saqueados.

A produção local de vermelhão foi a primeira fonte de poluição por mercúrio em Huancavelica. O pó de cinábrio, emitido na extração e na moagem do minério, fez a concentração de mercúrio nos sedimentos saltar pela primeira vez acima do nível natural. De 7 microgramas por metro quadrado ao ano ela vai para até 28 microgramas por metro quadrado.

Com o estabelecimento da cultura Chavín, o uso de mercúrio --e a contaminação-- cresceu exponencialmente. O nível do metal nos sedimentos se multiplicou por dez em relação à quantidade natural.

A partir daí, a poluição começa a declinar novamente, para explodir a partir do ano 1400, com a chegada do império inca às minas de cinábrio.

Os incas também trouxeram uma inovação tecnológica que deve ter causado problemas sérios aos habitantes de Huancavelica: "O tipo de poluição mudou de pó de minério para mercúrio elementar gasoso", disse Cooke à Folha. O aquecimento do minério separa o enxofre do mercúrio, produzindo o metal prateado.

Foram os vapores letais desse elemento que se espalharam pelo ar na região. Nos sedimentos de idade pós-incaica analisados pelo grupo de Cooke, o mercúrio aparece em concentrações 30 vezes superiores à natural.

Cooke diz que é difícil saber qual era o grau de exposição da população ao poluente --que também contaminou a água-- e que tipo de impacto a contaminação deve à saúde. "É difícil especular quais eram os riscos", afirma, "mas qualquer quantidade de mercúrio é potencialmente tóxica".

domingo, maio 17, 2009

Aprenda meditar - Realidade Espiritual (Spiritual Reality)



fonte: http://video.google.com/videoplay?docid=1210421996516398358&ei=ahUQSv6dMIqcqwLgqNV1&q=meditação

Doutrina Secreta e Ciência Contemporânea


Palestra de Luciano Areas na Loja Perseverança da Sociedade Teosófica no Rio de Janeiro sobre as três proposições fundamentais da Doutrina Secreta de H. P. Blavatsky e as constatações da ciência moderna. Sociedade Teosófica no Rio de Janeiro

quarta-feira, maio 13, 2009

Estado de Consciência


O  Dr. Manuel Castro Lahoz, da explicações sobre o estado de consciência.


segunda-feira, maio 11, 2009

DOENÇAS RELACIONADAS ÀS EMOÇÕES.

Realmente podemos ficar doentes devido ao enfraquecimento de nossa aura. Distúrbios emocionais, insatisfações ou aborrecimentos constantes, e principalmente o pessimismo, a baixa estima, o não amar a si mesmo (a), muito comum e freqüente em certas pessoas, podem enfraquecer nosso campo de proteção áurica, causando-nos diversas doenças.  

sábado, maio 09, 2009

DEVACHAN: MORADA DOS DEVAS


DEVACHAN: MORADA DOS DEVAS 
Suas Características & Habitantes por C.W. Leadbeater trad. resumo & adaptação: Ligia Cabús mahajahck@hotmail.com
LINKS RELACIONADOS: BARDO THÖDOL: ESTUDO DO LIVRO TIBETANO DOS MORTOS KAMA-LOKA & DEVAKAN: POST MORTEM NA DOUTRINA TEOSÓFICA

sexta-feira, maio 08, 2009

DESINTOXICANDO-SE DAS EMOÇÕES VENENOSAS

O psicólogo Marco Aurélio Bilibio fala sobre a função psicológica das emoções e seu papel na autorealização e no adoecimento psíquico. Emoções dão colorido à vida, mas tornam-se tóxicas quando se transformam em feridas afetivas de que não sabemos mais nos libertar. Emoções tóxicas estão na raiz de vidas insatisfatórias e de pouca realização. Quando se tornam epidemias sociais levam à desorganização familiar e comunitária. Na vida profissional podem gerar prejuízos grandes à carreira, levando à relações conflitivas e desmotivação. Além da compreensão da dinâmica emocional, Marco Aurélio focaliza também atitudes e posturas que podemos aprender para nos desintoxicarmos dessas fixações e recobrarmos o fluxo natural de emoções nutritivas, tanto na vida pessoal como na profissional.«

sexta-feira, maio 01, 2009

INTRODUÇÃO À DOUTRINA SECRETA

DS1 - Introdução à Doutrina Secreta - Carlos a.P DS1 - Introdução à Doutrina Secreta - Carlos a.P api_user_11797_Axioma Cortez "Neste texto nos propomos a apresentar algumas idéias relacionadas com simbologia antiga, cosmogênese, antropogênese emetafísica. O conjunto de idéias apresentadas aqui constitui-se no núcleo resumido do que se convencionou chamar de Esoterismo, Doutrina Secreta, Budismo Esotérico, Ocultismo, Magia, Gnose ou Teosofia. A Doutrina Secreta se propõe a ser uma síntese da religião, ciência e filosofia."

Entenda as diferenças entre febre amarela e gripe suína

Saiba mais sobre as doenças que preocupam os gaúchos.
A notícia da disseminação da febre amarela e da gripe AH1N1 ganhou as manchetes e tirou o sono dos gaúchos. Com causas e sintomas diferentes, a febre amarela e a gripe suína alteraram a rotina da população e deixaram um rastro de dúvidas. Desde outubro de 2008, pelo menos sete pessoas morreram em função da febre amarela no Estado. O vírus chegou à Região Metropolitana (veja onde tomar a vacina contra a febre amarela no feriado). Porto Alegre está desde segunda-feira na área de risco, pois um bugio foi encontrado morto com a doença em Guaíba.  Já a gripe suína (AH1N1) assustou o México e se difundiu para outros pontos do mundo. Não há casos confirmados no Brasil.
Foram registradas quatro suspeitas, uma em São Paulo e três em Minas Gerais. Outros 42 casos em 11 estados - o Rio Grande do Sul não está entre eles - são monitorados pelo Ministério da Saúde.  A seguir, esclareça suas dúvidas sobre essas duas enfermidades e saiba como se prevenir: - FEBRE AMARELA O que é a febre amarela?  É uma doença infecciosa, causada por um vírus que ataca o fígado, os rins e o sangue. A maior incidência se dá entre janeiro e abril, período de chuva, quando o mosquito transmissor prolifera.  Por que se chama amarela?  Porque um dos sintomas é a icterícia - pele e olhos amarelados.  A doença passa no contato de pessoa para pessoa?  Não. Ela é sempre transmitida por um mosquito. 
VÁ PARA A PÁGINA DA ZH E VEJA A MATÉRIA COMPLETA 
FONTE ZERO HORA